questões relevantes

espaço para debate de ideias sobre a cultura e a civilização

O PT E A MORTE DA LÓGICA.

ministerioLegião foi o nome com que se apresentou o Demônio em três dos evangelhos da Bíblia. Com o tempo a palavra ganhou outras conotações, mas podemos perceber seu eco em Sartre quando disse que “o inferno são os outros” nos lembrando do embate permanente do indivíduo com o coletivo. Também é visível na irracionalidade que acomete multidões que se manifestam como “pura potência disruptiva e negativa”, como gostam de dizer Žižek e seus seguidores.

Como não sou religioso, digo que o que nos assombra, nos inferniza, são os coletivos que fazem da ignorância, da renúncia ao bom-senso, da cegueira ideológica, da paixão para além da razão seu modus-operandi, sua espinha dorsal.

Estes coletivos são visíveis nos vândalos que incendeiam ministérios, naqueles que depredam a lógica com sua narrativa do golpe e nos que atestam diariamente a inocência do “capo di tutti capi”.

São coletivos, talvez, incorrigíveis, mas quem tem fé na razão, como eu, insiste em jogar luz onde esta legião cultiva trevas. É o que faz também o artigo de Marcus Vinicius que reproduzo abaixo, em que faz alguns questionamentos para instigar estas pessoas a recuperarem o senso de ridículo e alguma racionalidade.

manifestacao-brasilia

RESUMO DO ABSURDO.

Deixa-me ver se entendi. O PT, através do BNDES “empresta” 8 bi para a dupla Batista.

A dupla usa a grana para comprar empresas e crescer, sim, mas também para financiar campanhas de candidatos em sua maioria alinhados com os esquemas que o partido comandante proporciona.

Ou seja, o partido comandante elaborou um plano para financiar com dinheiro público sua permanência no poder, comprando políticos “ladrões” no legislativo e no executivo, agentes na mídia, servidores e executivos públicos, colocando apaniguados no judiciário, comprometendo deliberadamente a independência dos 3 poderes, pilar da democracia, e agora querem emplacar uma narrativa em que o PT é apenas um partido ladrão como os outros?

Mesmo diante de uma investigação inédita envolvendo PF, MPF e judiciário, com orçamento superenxuto, que começa a desvendar o plano, revela seu modus operandi, utiliza provas documentais provenientes das investigações e também indícios fortíssimos, colocando foco e dirigindo esforços para desbaratar a cadeia de comando, como toda investigação decente tem que fazer, ainda aparece gente para chamar isso de perseguição política?

Quem era o partido que estava no comando? Por que imaginam que a operação teria que deixar de priorizar a cadeia de comando e dedicar-se majoritariamente aos ladrões das ramificações? O comando ser formado por gente por quem nutrem simpatias é motivo para atacar a investigação? Por ser cada vez mais difícil negar que o PT dava mesmo as cartas e que, obviamente, seu líder é o comandante, a investigação é acusada de parcial? Se a realidade é insuportável para os petistas e seus apoiadores, atacar uma operação honesta não é a solução. Não muda a realidade. No máximo deixaria corruptos impunes.

Não. Os partidos não são todos organizações criminosas. Podem abrigar muitos corruptos, políticos que enriquecem com falcatruas, como está cada vez mais claro, mas apenas o PT montou uma rede que vai muito além do enriquecimento pessoal, uma rede que visa corromper as próprias instituições.

São mais que um bando de ladrões, são uma organização criminosa, com métodos que as investigações vêm demonstrando com cada vez mais clareza. Não é mais possível fazer de conta que não têm as digitais e o DNA do PT e seu líder supremo. É necessário que todos entendam de uma vez por todas o perigo que isso representa.

Imaginar que a justiça deva atender aos critérios distorcidos da militância petista e de boa parte da esquerda para que seja considerada “justa” é, definitivamente, um réquiem para a ética e o bom-senso.

 

Introduçao por Paulo Falcão. Artigo de Marcus Vinicius.

________________

hugBk22

PS – A foto acima foi utilizada inicialmente como destaque do artigo, e algumas pessoas avisaram que era de um incêndio de 2005 no INSS. Optei por trocá-la por uma do incêndio causado pelos vândalos/terroristas que invadiram Brasília para atacar Temer e defender Lula. Era o certo a ser feito, mas é importante observar que isto não altera em nada o teor ou a lógica do artigo.

Para aqueles que como único “argumento” contra o artigo citam a foto equivocada, deixo alguns links e a pergunta: Estas fotos também são de outros incêndios?

BRASÍLIA: INCÊNDIO ATINGE MINISTÉRIOS DURANTE MANIFESTAÇÃO CONTRA TEMER

VEJA A DESTRUIÇÃO NOS MINISTÉRIOS CAUSADA POR ATO.

MANIFESTAÇÃO TEM CONFRONTO, QUEBRADEIRA E INCÊNDIO EM BRASÍLIA.

PROTESTO CONTRA TEMER CAUSA INCÊNDIO EM MINISTÉRIO.

 

 

 

Anúncios

17 comentários em “O PT E A MORTE DA LÓGICA.

  1. Fernando Souza
    05/29/2017

    Lógica é aquela invenção da burguesia para confundir os esquerdistas?

    • Questões Relevantes
      05/29/2017

      Sim. Junto com a matemática…

  2. Roberto R Rodrigues
    05/29/2017

    “PMDB, e o ressurgimento da razão”

    • Questões Relevantes
      05/29/2017

      Roberto, como já afirmei em diversos artigos, nunca imaginei que o impeachment de Dilma e a posse de Temer acabariam com a corrupção no país. Eles eram companheiros de armas, compartilhavam os mesmos métodos de fazer política, os mesmos vícios. A esperança era que Temer abandonasse a estrada para o inferno econômico criada por Lula e pavimentada por Dilma e, por necessidade de sobrevivência, resgatasse a racionalidade, a transparência e a responsabilidade fiscal nas contas públicas brasileiras. Quanto aos demais partidos, como o próprio PSDB e Aécio Neves, que sejam investigados e punidos. O problema atual, de que trata o artigo, é a loucura coletiva de quem vê a volta do Lula e do PT ao poder como solução para o problema que eles mesmos criaram, tanto do ponte de vista de gestão como do ponto de vista criminal.

  3. Rod Rodrigues
    05/29/2017

    O texto a seguir não é meu, mas poderia ter sido…

    Acordo vendo um meme comparando a posição do governo Dilma nos atos de 2013, tratada como democrática, com a repressão do Temer ontem. Gente, como assim? Eu até entendo que esse tipo de análise absurda venha de gente que não saiu de casa ao longo dos governos petistas. Mas então vamos ajudar a refrescar a memória, porque ninguém vai analisar seriamente a que ponto chegamos, inclusive o uso da força em protestos e a naturalização dela, se ficar nesse binarismo burro.
    Teve muita repressão em 2013 e em todo canto. No dia da ocupação do Congresso, eu estava cobrindo da redação como editora da TV Brasil e lembro de entrar ao vivo com um repórter, posicionado lá da ponte da rodoviária, que mal conseguia falar pelo gás que cobriu a Esplanada naquele dia. Vale lembrar do dia do Itamaraty. De gente do MTST e do Comitê da Copa caçada antes da Copa das Confederações começar.
    Teve muita repressão nos últimos anos! Lembro de correr da policia e da Forca Nacional, criada no governo Lula em 2004, em vários atos. Aliás, a Força Nacional foi costumeiramente usada para reprimir indígenas e trabalhadores que resistiram a Belo Monte. Teve Exercito no protesto dos petroleiros no Rio. Teve na Maré, no Alemão. Teve Centro de Comando e Controle na Copa. Eu cobri o dia do lançamento. Nunca vou esquecer a dimensão daquilo. Teve lei antiterrorismo. Lutamos muito no CNDH contra essa lei e avisamos a um governo já então em queda livre que essa lei seria usada contra a gente.
    Esquecer a historia nos torna incapazes de entender a escalada do militarismo nos últimos anos. Por mais que o Temer tenha ido muito, muito além, os problemas não começaram ontem. Uma esquerda incapaz de autocrítica não me dá outra coisa que não repulsa e medo, porque daí para justificar tudo é um passo. Lembram quem apagou a historia na tradição da esquerda, não é?
    Por: Helena Martins

    • Questões Relevantes
      05/29/2017

      Eu poderia colocar este texto como um PS do artigo e ele ficaria perfeito. Do ponto de vista estrutural e factual é correto. Ela à esquerda e eu à direita dizemos cosas semelhantes e/ou complementares neste caso específico.

  4. Renato Cruz
    05/28/2017

    Reproduzo aqui um texto do Augusto de Franco que me pareceu um complemente perfeito para este artigo. Resgatar a lógica sem dúvida é hoje uma necessidade básica.

    “Uma amiga me pergunta no Facebook:
    “Vamos deixar o Temer para ficarmos livres do Lula?”
    Minha resposta foi a seguinte:
    “O que é deixar? Estou assobiando e andando para o Temer. Ele que se vire com a justiça. O que é muito diferente de ser um tolo capturado pelo movimento Fora Temer que, no fundo, quer apenas o Volta Lula”.
    Na verdade, porém, o risco da volta de Lula não é tão grande assim. O risco maior é a impunidade de Lula e a manutenção da organização criminosa que ele chefia. Tudo que Lula precisa é da tábua de salvação de um palanque. Para não ser preso. Para continuar no comando da núcleo duro do PT (o partido interno, a verdadeira organização política criminosa).
    O imperativo democrático não é nem prender Lula (se isso acontecer ele não ficará muito tempo em cana, entre outros motivos em razão da idade) e sim desbaratar a organização criminosa, a verdadeira organização política criminosa, aquela que foi estruturada para cometer crimes políticos contra a democracia (da qual só um operador continua preso: João Vaccari Neto), não as numerosas quadrilhas articuladas por políticos para cometer crimes comuns ou mesmo para administrar o condomínio fisiológico e corrupto da velha política (como a de Sérgio Cabral e a de Eduardo Cunha, da qual diz-se que Temer participa ou – o que é bem provável – participou).
    Eis a razão pela qual o anti-temerismo militante de antigos anti-petistas é um erro político brutal. Vai dissolver a corrupção sistêmica, feita com motivos estratégicos de poder, dentro da corrupção endêmica dos meios políticos tradicionais, de gente que rouba para se eleger, continuar no poder, enriquecer e se dar bem na vida (não para implantar um projeto neopopulista de conquista de hegemonia sobre a sociedade a partir do Estado aparelhado pelo partido e bolivarianizar o nosso regime).
    Qual será o resultado objetivo desse erro? A organização criminosa sairá relativamente impune e não será desbaratada. Continuará, por anos ou décadas, sendo uma ameaça à nossa democracia.
    É tão difícil assim entender isso?”

    • Questões Relevantes
      05/28/2017

      Obrigado pela contribuição.

  5. Gilberto Svitek
    05/28/2017

    Não existe mundo perfeito, assim como pessoas. Esse mundo pertence às utopias, onde acabam virando sempre uma ditadura, onde quem não se encaixe, são ajustadas forçosamente ou eliminadas. A democracia não é perfeita, mas é o melhor dos regimes existentes até agora.

  6. Gilberto Svitek
    05/28/2017

    “Não há na história um só processo de autocratização que não tenha contado com o apoio involuntário de uma turma que quer limpar o mundo.”
    Augusto de Franco

    • Questões Relevantes
      05/28/2017

      Fato. Trato desta questão específica neste outro artigo que talvez aprecie:
      FUJA DE UM MUNDO MELHOR.
      http://wp.me/p4alqY-mF

  7. Marisângela Monteiro
    05/28/2017

    Esse prédio e do INSS que pegou fogo kkkk.

    • Questões Relevantes
      05/28/2017

      Sério que este é seu argumento?

  8. Thereza Lima
    05/28/2017

    Agora o mundo está observando e muita sujeira tucana correu embaixo desta ponte.

    • Questões Relevantes
      05/28/2017

      Ninguém está defendendo o PSDB, Aécio ou quem quer que seja. Quem tem bandido de estimação é o PT e seus militantes amestrados.

  9. Solange Gomes
    05/27/2017

    Existe o que se costuma chamar de “esquerda esclarecida”, ou seja, pessoas de esquerda que não se furam ao debate e não ignoram a realidade. Uma delas é o professor Leandro Karnal. Ele publicou o seguinte comentário em sua página no facebook: “Por vezes a história atravessa o caminho do historiador. Cruzei a Esplanada dos Ministérios em meio a chamas e caos. Uma pena que manifestações degenerem em agressões e depredação. Esvazia-se a pauta dos manifestantes que, hoje, conseguiram reforçar o gov Temer como alternativa à desordem. Será que era o objetivo deles? Saindo de Brasília ainda temendo as calendas de março…”

    Deste jeito vão acusa-lo de ser “de direita”…

    • Questões Relevantes
      05/27/2017

      Solange, a reação a esta publicação foi mais longe e revela aquele pensamento que desdenha a democracia e sonha com utopias totalitárias. Veja este artigo: http://migre.me/wHmWg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: