zizek

É a segunda vez que quase concordo com Slavoj Zizek. No vídeo abaixo ele abandona boa parte das teses inconsequentes que andou defendendo e faz uma análise bastante interessante do capitalismo e sua capacidade de adaptar-se continuamente às transformações do mundo, de sobreviver, fortalecido, às contundentes previsões de seu fim. É um vídeo de 6 minutos e meio, gravado em um dia que ele acordou social-democrata.

Um dos pontos em que divergimos neste caso é até engraçado, porque digo a tempos sobre o marxismo o que ele diz aqui sobre o capitalismo: é uma forma de religião.

__________________________

Link para o artigo que aborda o marxismo como religião:

DO SOCIALISMO AO COMUNISMO: UMA QUESTÃO DE FÉ.

Anúncios