questões relevantes

espaço para debate de ideias sobre a cultura e a civilização

CHICO BUARQUE, JUCA KFOURI E AS ESCOLHAS INEXPLICÁVEIS.

chico e juca

Chico e sua obra musical são uma das raras unanimidades que nem mesmo Nelson Rodrigues chamaria de burra. Como escritor, (romancista) não é gênio, mas é agradável. Juca Kfouri não é um “Chico Buarque” do jornalismo, mas é um dos nomes mais respeitados da imprensa esportiva e o acompanho há anos com prazer, desde o antigo Cartão Verde na TV Cultura. O reconhecimento e o respeito que tenho por ambos, no entanto, não me impede de achar inexplicáveis as escolhas políticas que fizeram.

Parafraseando Nando Reis, não sou nenhum Platão, e certamente nem chego perto, mas sou fã de uma de suas conclusões tardias. Platão teve a oportunidade de testar a única forma de governo que julgava boa, a Aristocracia, ou o governo dos sábios. Deu tudo errado, o que o levou a outra conclusão que antecipava em séculos a dialética Hegeliana: a prática do poder nunca consegue realizar plenamente seu modelo teórico, há sempre uma tensão entre o que é, o que deve ser e o que é possível. Diante deste fato, em “Político”, Platão conclui que, na prática, a democracia é o melhor regime para se viver.

Esta mesma ideia foi sintetizada com humor inglês e inteligência por Winston Churchill, depois de conhecer diversas formas de governo nos quatro cantos do mundo e assistir o nascimento do totalitarismo soviético e nazista: “A democracia é a pior forma de governo imaginável, à exceção de todas as outras que foram experimentadas.”

Na eleição para presidente em 2014 o que está em jogo não é a escolha entre dois nomes, Dilma ou Aécio, mas entre duas concepções de exercício de poder que estão muito além dos candidatos em si.

A concepção do PSDB é social democrata, dentro das balizas da democracia representativa. Se deixarem, podem até não conseguir atingir o objetivo, mas vão caminhar na direção de governos nos moldes Canadense ou Finlandês, por exemplo.

Já o PT e demais partidos de esquerda vêm a social democracia como um vício pequeno-burguês e trabalham para a substituição da democracia representativa pela chamada “democracia direta”, que é um nome simpático para uma prática autoritária. Se deixarem, se suas teses forem vencedoras, podemos até resistir, mas os modelos são a Venezuela e Cuba. Na melhor das hipóteses, uma China.

Isto não é “achismo”, não é “teoria da conspiração”, é apenas o que está claro no discurso, nos estatutos e na prática política de ambos. Basta meia hora de pesquisa no google para comprovar estas afirmações.

O apoio de Chico e Juca à Dilma e este projeto de poder do PT é inexplicável porque estabelece uma cumplicidade inequívoca com escolhas totalmente antidemocráticas.

Juca não vota em Aécio porque teria agredido uma namorada (o que é condenável, mas a vítima poderia ter denunciado e usado as proteções legais que o estado oferece). No entanto vota em um governo que deportou boxeadores cubanos que pediram asilo (e não podem recorrer a mais ninguém); vota em um governo de concedeu asilo político a um assassino italiano (porque matou em nome da esquerda); vota em um governo que pratica superexploração com os médicos cubanos, negando-lhes direitos e pagando a eles algo como 20% do valor total que é repassado aos irmãos Castro; vota em um governo que emite lista negra de jornalistas (algo típico dos que flertam com totalitarismos).

Chico, por seu lado, apesar de ter sido perseguido por uma ditadura, nutre simpatias por outra, a Cubana, e também silenciou sobre os casos acima.

Será que existem ditaduras justificáveis para eles?

Como disse em outro artigo, “há fatos que desafiam a lógica. Um dos mais frequentes e estranhos são pessoas que, em nome da liberdade, em nome de utopias libertárias pessoais ou coletivas, endossam teses que restringem esta mesma liberdade que dizem defender.” É o caso aqui.

Se você está indeciso, acredito que seja bom lembrar que todas as medidas positivas do PT na presidência contrariam o discurso de décadas do partido e foram herdadas do PSDB: plano real, bolsa família (duramente criticado pelo Lula até mesmo no início de seu governo), farmácia popular, remédios genéricos etc.

Note que a argumentação até aqui nem falou em corrupção. Entramos no tema agora para dizer que aqui não cabe qualquer tolerância: quem rouba dinheiro público ou privado deve ser punido, seja de que partido for. A sociedade deve vigiar e exigir que a lei seja cumprida. Mas observem: o único partido que defende políticos presos por corrupção é o PT. Mais do que isto: os eleva à condição de heróis. Infelizmente, isto não influenciou as escolhas do Chico. Infelizmente, não horrorizou Juca.

Não sei quanto a você, leitor, mas só o fato de elevar corruptos à condição de heróis já bastaria para não merecerem meu voto.

Artigo de Paulo Falcão.

Sugestão de artigos relacionados:

DEMOCRACIA DIRETA:BOA INTENÇÃO LIBERTÁRIA OU LIBERTICIDA?
https://questoesrelevantes.wordpress.com/2014/06/04/democracia-direta-boa-intencao-libertaria-ou-liberticida/

A ESQUERDA E OS CAMINHOS QUE SE BIFURCAM.
https://questoesrelevantes.wordpress.com/2014/04/06/a-esquerda-e-os-caminhos-que-se-bifurcam/

DEMOCRACIA SOCIALISTA É O SACI PERERÊ DA CIÊNCIA POLÍTICA
https://questoesrelevantes.wordpress.com/2014/03/02/democracia-socialista-e-o-saci-perere-da-ciencia-politica-nao-passa-de-folclore/

Aviso sobre comentários: Comentários contra e a favor são bem vindos, mesmo que ácidos, desde que não contenham agressões gratuitas, meros xingamentos, racismos e outras variantes que desqualificam qualquer debatedor. Fundamentem suas opiniões e sejam bem-vindos.

Anúncios

38 comentários em “CHICO BUARQUE, JUCA KFOURI E AS ESCOLHAS INEXPLICÁVEIS.

  1. Homero Amaral
    10/25/2014

    Penso que o decreto 8.243 fere a nossa democrática constituição de 1988 em vigor, qualquer modificação deste naipe deve apreciada pelo congresso nacional, se aprovada (acho difícil), cabe aos que entendendo que tal norma afronte a nossa constituição uma Ação Direta de Inconstitucionalidade, que certamente será aceita pelo STF. No mais está discussão sobre estarmos a beira de um regime comunista em bem “démodé” como dizem os franceses, pois regime totalitário no Brasil só com golpe da direita.
    Saudações Democráticas

    • Questões Relevantes
      10/25/2014

      Caro Homero, também acho “demodé” defender a ditadura dos irmãos Castro, mas há quem a defenda – e são muitos, como o Chico. Não temo um golpe, uma revolução socialista, comunista ou “de esquerda”. Mas vejo com clareza o mal que certas ideias podem causar no simples processo de implementação. A Venezuela é o exemplo onde estas ideias mais avançaram, e o resultado está ai, à luz do dia, gritando, mas mesmo assim há quem veja por lá “democracia até demais” como o Lula. A Argentina implantou parte desta ideias, desarrumou toda a economia e está quebrada. Explicando melhor: o Brasil não precisa realizar a totalidade da cartilha do “Foro de São Paulo” para colher resultados nefastos. Desenvolvi melhor esta crítica nestes dois artigos:
      DEMOCRACIA DIRETA:BOA INTENÇÃO LIBERTÁRIA OU LIBERTICIDA?
      http://goo.gl/qd67KW

      A ESPERANÇA E A FÁBRICA DE SOFRIMENTO.
      http://goo.gl/QfPDbN

      Saudações democráticas para você também.

  2. Rogerio Gret
    10/23/2014

    Acho válida a ideia de caminhar rumo ao modelo de Canadá ou Finlândia e pelas filosofias mais amplas tenho preferência pelo Aécio, mas é importante denotar que dificilmente Aécio, Dilma ou o Super Homem vão ter coragem de mexer naquilo que é mais importante – desinflar significativamente a máquina pública e investir muito agressivamente em infraestrutura – é basicamente fazer o contrário de medidas populistas e me parece muito improvável para governantes brasileiros. O último a esboçar uma tentativa foi, pasmem, o Collor.

    Enquanto nossa infra for patética vamos continuar crescendo menos que os demais emergentes em tempos de bonança internacional (desde 2000 fomos bem, graças à China, mas fomos piores que todo mundo). E, nas crises, vamos sofrer como todo mundo.

    A caminhada para o modelo finlandês é uma boa metáfora porque, para atingi-lo, vai ser tão difícil como ir fisicamente daqui até a Finlândia, a pé.

    • Questões Relevantes
      10/23/2014

      Gostei de seu realismo irônico.

  3. Arley
    10/22/2014

    O Juca Kfouri é “padrinho” do Jorge Kajuru, que foi demitido ao vivo da Band por fazer críticas ao então governador de MG Aécio Neves que fechou a entrada de deficientes físicos do mineirão em um jogo do Brasil para seus amigos e convidados. Logo a escolha dele é meio óbvia e muito provavelmente nada tem a ver com posições políticas. Falando das pessoas em si (Dilma e Aécio), as 2 opções que restam são muito ruins. O PT se ficar vai continuar roubando e armando subterfúgios para se manter no poder, enquanto que o PSDB caso vença obviamente não vai acabar com a corrupção. Acaba sendo mais uma escolha pessoal sobre qual seria o menos pior em se considerando todo o contexto da entrada de um ou da permanência do outro. A Dilma não sabe sequer se expressar de forma clara, então pra mim não tem com votar numa pessoa dessas.

    • Questões Relevantes
      10/23/2014

      Imaginar que um governador influiu na limitação de acesso de deficientes em um jogo de futebol me parece um tanto hiperbólico. Duvido que algum governador tenha participação neste tipo de decisão.

      • Arley
        10/23/2014

        Isso foi dito ao vivo na TV, basta procurar no YouTube e vai achar. Defender posições políticas ok, de forma cega e contra fatos já é demais.
        Pela sua resposta, a idéia disso infelizmente não é um debate de idéias, pois você rechaça ou ridiculariza tudo que vai contra o que você quer – indo assim de encontro exatamente com a postura do seu alvo de ataque.
        Não existe um lado perfeito, que as pessoas possam saber dos defeitos e virtudes de ambas as partes.

      • Questões Relevantes
        10/23/2014

        Arley, não duvidei do fato (ter sido dito ou ter havido o impedimento), mas da veracidade da afirmação (ser decisão do governador). Que um cidadão faça esta relação direta, é justificável. Que um jornalista o faça, é erro grave. É correto e necessário divulgar o fato: o acesso de deficientes está impedido, ou dificultado, e cobrar das autoridades que se apurem responsabilidades. Isto é jornalismo. É errado atribuir a responsabilidade deste fato a alguém tão distante na cadeia de comando, sem qualquer prova. Isto é proselitismo político, não jornalismo.
        Espero que tenha ficado claro.

  4. Luiz
    10/22/2014

    Chico ta na folha do PT. Não gosto de MPB, da sono e pouco me importa estas músicas. Gosto é subjetivo e respeito. Mas esta poesia de MPB não me interessa. Só sei que este Chico ta na folha. Talvez o Juca esteja saturado com PSDB em São Paulo. Compreensível. Analogamente é a mesma situação de continuidade que no fim gera uma certa acomodação. Citei o fato da MPB pq simplesmente não pago nenhum real pra escutar isso. Dá sono. E esta tropicalha já ta mamando com estas leis de cultura. Mas ai pra investir em novos talentos e subsidiar shows underground é mais tenso. Existem uma outra cena sem ser MPB que só mama…enfim fora PT.

    • Questões Relevantes
      10/22/2014

      Luiz, não acredito que o Chico e o Juca sejam “vendidos”. O que critico é exatamente o que acredito serem escolhas conscientes. Questiono a lógica, os fundamentos das escolhas que professam. Quanto à música de Chico e à MPB, discordo 100% de você: Chico, Tom Jobim, Edu Lobo, Caetano, Gil, Milton, Gal, Bethania, Luiz Melodia são alguns nomes que deveriam fazer parte da educação brasileira, do básico às universidades. Discordo que algumas posições políticas, mas sou fã de carteirinha da obra musical que produziram.

      • Luiz
        10/22/2014

        Chico foi beneficiado com verba cultural, ta na folha. Não disse que o Juca estava na folha, apenas saturado de anos de PSDB em Sampa. Quanto a música, vale lembrar da perseguição que os bossa nova, MPB, sambistas fizeram ao primeiros rockeiros no Brasil na época que usavam Guitarras com amplificadores, não sou rockeiro e sim metaleiro. Sons leves me dá sono e isso é opinião. Só entrei no assunto pq não precisaria dizer que é grande cantor ou compositor pra falar alguma crpitica já que acho péssimas este estilo musical. Respeito vossa opinião e talvez seria desnecessária a minha sobre a MPB, que não muda nada o mundo. Tem que mudar a legenda deste aparelhamento que virou estes 39 ministtérios e 25 k de CCs. Oremos… abraço

    • Antonio Ferreira
      10/25/2014

      Vai então morar na Finlândia ou no Canadá. Talvez as músicas lá sejam melhores que a nossa MPB.

      • Questões Relevantes
        10/25/2014

        Antonio, concordo com você. A MPB e o Chico em particular, têm um alto nível poético e musical. Mas têm também umas simpatias inexplicáveis por governos autoritários.

  5. Pedro
    10/21/2014

    Seja governardor do Estado mais rico do Brasil por 20 anos, e esqueça do abastecimento de Água !

    • Questões Relevantes
      10/22/2014

      Pedro, talvez o nível do debate seja um pouco elevado para você. Deixei claro que não estou discutindo a polarização Aécio X Dilma, mas projetos de poder. Quanto à falta d´água, sua argumentação é tosca. Neste nível de debate, poderia perguntar se o PT e Dilma, depois de 12 anos na presidência, não previram a falta de chuva e deixaram a nascente do Rio São Francisco secar. Não sei se você entende a inconsistência de seu raciocínio.

  6. Pedro
    10/21/2014

    Construa um Aeroporto na Fazenda da Família e depois conversamos sobre as escolhas do Chico Buarque !

    • Questões Relevantes
      10/22/2014

      Pedro, talvez o nível do debate seja um pouco elevado para você. Deixei claro que não estou discutindo a polarização Aécio X Dilma, mas projetos de poder. Além disso, se for para falar em corrupção, o PT é insuperável. Só na refinaria de Abreu e Lima já foram identificadas fraudes superiores a todas as denúncias contra o PSDB somadas. Mas há outros espaços para discutir estas questões.

  7. Antonio
    10/21/2014

    Já tenho mais de 50 anos e passei a maior parte da vida idolatrando o Lula. Pensava que era um absurdo não lutar pelo PT, pois o PT “é (ou era) pelo POVO” (e eu sempre fui classe média). Votei no Lula contra o Fernando Henrique DUAS VEZES!!!! E aí o Lula e o PT assumiram o PODER DO BRASIL!!! Que COISA MAIS DESASTROSA!!! Um partido que votou contra o “Plano Real” e que votou contra o “Bolsa Família” (original). Votou CONTRA qualquer coisa e CONTRA qualquer OPOSIÇÃO (só por ser oposição). Daí, estando no poder, faz união com os DIABOS (Sarney, Collor etc.) argumentando que precisava de apoio para governar?!?!?! Mas como assim? Governar? Foram 12 anos sem fazer praticamente NADA! O Bolsa Família sem investir para que a família saia do Bolsa Família é apenas uma máquina de esmola que compra votos! Essa é a verdade. Tudo é feito de forma a continuar no poder, nada mais! Sem falar do enriquecimento ilícito da grande maioria (Lulinha, nem 2º grau completo, o sócio do FriBoi) e da PETULÂNCIA de ter “heróis” como José Dirceu. Assim, concluindo, quando há pessoas como Chico Buarque e Juca Kfouri que ainda votam no PT, só posso imaginar o seguinte: eles tiveram e/ou ainda têm algum interesse pessoal (talvez financeiro), não pode ser a mesma idolatria inocente que eu tinha há 12 anos atrás.

  8. Alberto Chicayban
    10/21/2014

    Paulo Falcao nao é um Platao. Falta muito mesmo. Depois de ter elogiado a obra de Chico Buarque (espero que a conheça realmente), Falcao diz nao entender o porque da preferencia do compositor por Dilma. Posso, de maneira muito simples, elencar para o “jornalista” tres motivos capazes de explicar a declaraçao de voto de Chico Buarque: a) Chico sera’ sempre lembrado como ferrenho opositor do golpe militar de 1964 e foi um dos brasileiros exilados sob a acusaçao de exprimir suas opinioes – Dilma lutou, foi presa e torturada pela mesma oposiçao aos militares que representavam os “ideais norte-americanos” expressos sob forma de ditadura; b) ninguém conhece um minimo fragmento da obra de Chico Buarque que reflita algo diferente do amor profundo pela cultura brasileira – desde os estilos musicais preferidos por ele (samba, choro, valsa carioca, bossa, etc) até as construçoes poéticas inspiradas pelos grandes poetas nacionais, demonstram aversao ao “importado dos States” tao apreciado pela tucanagem (FHC, por exemplo é o melhor exemplo de incapaz e traidor do proprio Pais, lacaio de instituiçoes economico-financeiras, responsavel por politicas que levaram o Brasil daqueles tempos à condiçao de miséria africana); c) Chico Buarque é um dos intelectuais brasileiros que da maneira mais evidente sempre se posicionou contra o neoliberalismo e a globalizaçao, pontos essenciais do pensamento (?) e da pratica tucana. Para concluir é necessario dizer que o mencionado texto de Paulo Falcao nao é verdadeiro jornalismo. Trata-se tao somente de retorica de baixo nivel, tipica dos homens de letras que se vendem à melhor oferta. Nao é necessario ser um mestre de filosofia para entender a escolha de Chico Buarque. Sobre Juca Kfouri (como dizia o genial Guimarães Rosa), “nao gloso”. Por nao acompanhar a cronica esportiva ignoro tudo em relaçao ao mesmo. Ignorando, é melhor calar! Velho conselho da filosofia escolastica que Paulo Falcao deveria seguir!

    • Questões Relevantes
      10/22/2014

      Alberto, você apresentou uma coleção de desculpas que não negam ou apontam inconsistências no artigo. A primeira delas, de certa maneira reforça o que afirmei: quem já foi perseguido por uma ditadura não deveria apoiar ditaduras, ou você acha que só as ditaduras de direita são condenáveis?

      Depois fala que o Chico, lá de seu apartamento em Paris, é contra o neoliberalismo e a globalização. Neste ponto, me lembrei do Millor Fernandes comentando sobre o Chico: desconfio muito de quem lucra com seus ideais.

      Por último, quero deixar claro que não sou jornalista. Sou apenas um livre pensador que gosta de estudar e de compartilhar reflexões. Desafio você a apontar algum patrocínio ou apoio a este blog. O fato é que você apenas segue a cartilha do PT, de acusar os outros de seus próprios vícios.

      • claudio imobilli
        10/23/2014

        Simples assim, o Alberto TB é um pensador, a diferença é que ele pensa de olhos fechados, como qualquer fundamentalista do pt.

    • Eve
      10/22/2014

      Meu caro, respeito suas opiniões , as do Chico e as do Juca, mas talvez vc tenha esquecido que o senador do PSDB, candidato a vice, lutou contra a ditadura de forma ferrenha também, foi “terrorista ” procurado e teve que se exilar na França. Talvez por ter entendido que não se troca uma ditadura por outra, voltou-se para um modelo democrático. E, veja como se pode falar disso sem ofensas.

      • Questões Relevantes
        10/22/2014

        Eve, concordo com você: discordar não é agredir, não é uma agressão. Obrigado pelo comentário cirúrgico.

  9. Maurício
    10/21/2014

    Só digo uma Coisa,Foraaaaaa PT……

  10. João FQ
    10/21/2014

    O texto num primeiro momento tem vários contra argumentos. Mas quando analisamos o cerne não tem quase nenhum, ou seja o projeto a longo prazo do PT, tem diretrizes não democráticas. Me expressando de outra forma, olhando ao longo de vários mandatos – findados, por findar e por vir – as as propostas e pilares do governo do PT apontam para o enfraquecimento da democracia e não para o seu fortalecimento, e isso pode ser observado pelo histórico do partido e por seus fundamentos.
    O único argumento contra isso é a discussão da possibilidade de existir uma democracia direta de fato democrática, a única que existiu até hoje é a Suiça; mas vale a pena observar que esse país tem uma população extremamente reduzida e fechada a influências externas. Pessoalmente não acredito que esse modelo possa funcionar em outro lugar no tempo e no espaço.

  11. OTAVIO
    10/20/2014

    Deixa ver se entendi Paulo Falcão: debaixo da mesma constituição (aliás, feita numa democracia representativa), se o governo for do PSDB é democracia de verdade, mas se for do PT não? Ah tá então…
    Fica também a sugestão de que evidencie a identificação do gestor do blog e dos autores do texto.

    • Questões Relevantes
      10/20/2014

      Otávio, de fato você não entendeu. O que o artigo afirma é que o estatuo, os projetos e o discurso do PT apontam na direção do enfraquecimento da democracia representativa (como o recente decreto o decreto presidencial nº 8.243 apresentado pelo Governo Dilma Rousseff. Não questiona a legitimidade do governo do PT atual ou de uma eventual continuação. Mas lamenta, sim, que pessoas inteligentes e experientes sejam prisioneiras de uma lógica muito tortuosa, em que a democracia não é um valor fundamental (se fosse, não apoiariam Cuba e seus simpatizantes em nenhuma hipótese, por exemplo). Quanto à autoria do artigo, já atendi sua sugestão e informei a autoria de Paulo Falcão ao final do artigo.

  12. Ashinho Viadinho de Pallet
    10/20/2014

    Olha, eu acho que isso de dizer quer que o PT vai transformar o Brasil em uma ditadura comunista é um argumento meio velho (falam isso desde antes de o PT entrar no poder) e que, depois de 3 mandatos petistas, já não cola mais. Primeiro porque… bom, cadê o Cubão que eu não estou vendo? Já se passaram 12 anos. 12 anos. 12 ANOS!!! E NADA ACONTECEU! Segundo que presidente não é rei, e Lula/Dilma não podem fazer mudanças tão grandes se a assembleia não concordar. Mas a questão nem é essa. A questão é que é muito claro que o PT, para além de qualquer discurso que tenham tido no passado, é um partido social democrata. Basta ver como o Brasil está. Temos, por exemplo, uma imprensa que apoia o PSDB escancaradamente, inclusive em época de eleição e, não, eles não estão sendo censurados por isso. Ou basta ver como Lula acenava para os empresários em suas entrevistas, dizendo que queria governar também para eles e que, quando o pobre ganha mais, os empresários tbm saem ganhando. E o próprio citou países como os que vc citou no texto. O PT está muito longe de ser um partido de extrema esquerda. Assim como, ao contrário do que os militantes petistas saem falando por aí, O PSDB NÃO É UM PARTIDO DE DIREITA nem aqui nem na China. Pra mim, chegamos a um ponto em que o debate já não é ideológico, é uma mera discussão de partidos, cargos, lucros (por parte dos políticos) e mentalidade dicotômica (por parte dos eleitores) disfarçada de debate ideológico. As pessoas chegam a negar coisas que estão bem diante de seus olhos só para favorecer esse ou aquele partido, principalmente em uma época como esta, em que todos parecem entrar em um estado de histeria coletiva e esquecer os problemas (tal como todos os acertos) que cada governo teve só para puxar a sardinha para a lata de quem você simpatiza mais. Não dá pra acusar as pessoas de serem muito ideológicas, porque isso nem é ideologia, é partidarismo mesmo. Consciência, gente. Dois anos atrás foram pra rua protestar e agora caem na lábia dos marqueteiros e assumem comportamento de rebanho. “Quatro patas bom, duas patas ruim”.

    • Questões Relevantes
      10/20/2014

      Ashinho Viadinho de Pallet, a despeito deste nome fake, chamo a atenção para um fato significativo. O PT não vai dar um golpe comunista, é claro, mas ao longo destes 12 anos tentou vários projetos que enfraqueciam a democracia representativa. O mais recente é o decreto presidencial nº 8.243 apresentado pelo Governo Dilma Rousseff, que nos aproxima um pouco mais do modelo Venezuelano, onde, segundo Lula, “há democracia até demais”.

  13. dirceu jr
    10/19/2014

    quem é o autor?

    • Questões Relevantes
      10/19/2014

      O autor é Paulo Falcão, gestor do blog.

  14. Homero Amaral
    10/19/2014

    Devemos respeitar as escolhas, principalmente, quando nos são contrárias no mais, todas são explicáveis. Mesmo porque nesta disputa entre Dilma e Aécio sobram os telhados de vidro de ambos. No mais não quero polemizar, pois anularei meu voto, procedimento legal e vou exercê-lo.

    • Questões Relevantes
      10/19/2014

      Caro Homero, o artigo evita fulanizar e fica nos modelos teóricos que cada grupo político defende (ou professa). Neste sentido, e sabendo que Chico e Juca são muito bem formados e informados, a contradição entre o discurso libertário e a defesa de teses totalitárias padece de vício insanável. Quanto a respeitar escolhas, concordo, mas discutí-las não é desrespeitá-las. Limito-me a expor o conflito lógico.

  15. Flávia Nogueira
    10/19/2014

    Como bem lembrou uma amiga minha, para quem cantava os versos:
    “Dormia
    A nossa pátria-mãe tão distraída
    Sem perceber que era subtraída
    Em tenebrosas transações”…
    é mesmo inexplicável defender e ainda apoiar o governo Dilma.
    Decepção…

  16. RALPHDESOUZAFILHO
    10/19/2014

    Não necessitas postar mais à propósito deste tema. A resposta amadurece e virá no tempo azado, caríssimo Reacionário. Saudações Cordiais, do Planta do Deserto, a quem, basta, tão somente, o orvalho do alvorecer…,

    • Questões Relevantes
      10/19/2014

      Souza Filho, sua poética falta de argumentos é comovente. Mas talvez seja melhor assim. Da outra vez em que tentou defender posições com argumentos, se enrolou todo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: